Pular para o conteúdo principal

+8 Fatos Extremos Sobre Cervejas

1 - Em 1874 uma inundação de mais de um milhão de litros de cerveja devastou um bairro pobre de Londres

A Cervejaria da Ferradura – Horse Shoe Brewery –, fundada em 1623, era localizada em um bairro pobre no centro de Londres, e em 17 de Outubro de 1814 uma grande tina colapsou liberando 610.000 litros de cerveja Porter. Isso causou a ruptura de diversos fermentadores em um efeito dominó. No total, foram 1.470.000 litros liberados nas ruas do bairro. A onda de álcool destruiu algumas casas e matou oito pessoas.

A cervejaria foi julgada e inocentada pois o juiz e o júri consideraram o desastre como um Ato de Deus.
Horse Shoe Brewery
Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/London_Beer_Flood

2 - As duas cervejarias mais antigas do mundo ficam na Bavária e estão em operação há quase 1000 anos

A cervejaria Weltenburg Abbey está em funcionamento desde o ano 1050, com apenas uma interrupção entre os anos 1803 e 1846. Sua “Weltenburger Kloster Barock Dunkel” ganhou prêmios de melhor Dunkel do mundo na World Beer Cup de 2004, 2008 e 2012.

Weltenburg Abbey

Já a cervejaria Weihenstephan Abbey é considerada a cervejaria mais antiga do mundo e está em operação contínua desde 1040. Atualmente produz famosas cervejas de trigo e lagers que podem ser encontradas no mercado nacional (com um pouco de dificuldade).




Fontes: https://en.wikipedia.org/wiki/Weltenburg_Abbey
https://en.wikipedia.org/wiki/Weihenstephan_Abbey

3 - Cauim era a bebida que os Tupinambás usavam para harmonizar com carne humana

Nas suas festividades, em que se consumia a carne dos inimigos vencidos e aprisionados, os antropófagos Tupinambás se embebedavam com a sua cerveja de mandioca, o Cauim.


Fonte:https://pt.wikipedia.org/wiki/Antropofagia

4 - O maior copo de cervejas de todos os tempos tinha 1.500 litros

Era um ultra-mega-super Pint de Guinness!!



Fonte: http://www.guinnessworldrecords.com/world-records/largest-glass-of-beer

5 - Olhos de caranguejos já foram usados em cervejas

Sua característica alcalina pode restaurar cervejas ácidas. Bem como conchas de ostras e cascas de ovos também já foram utilizados pelo mesmo motivo.



Fonte: Encyclopedia Britannica

6 - Os Sumérios inventaram a cerveja light

Arqueólogos encontraram registros de 3000 A.C. de uma cerveja suméria cujo nome significava  algo como "afina a cintura".

Fonte: Tasting Beer: An Insider's Guide to the World's Greatest Drink

7 - Baco (ou Dionísio), o deus greco-romano do vinho, foi inspirado em um deus da Cerveja

Sabazios era um deus frígio-trácio da cerveja e estudiosos acreditam que os gregos se basearam nele ao criar a mitologia de Dionísio.

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Sabazios

8 - Os Núbios antigos usavam cerveja como antibiótico

A análise química dos ossos de núbios mortos há mais de 2000 anos mostrou evidência que eles consumiam regularmente tetraciclina.  Isso ocorria porque o grão utilizado por eles para fazer a cerveja continha a bactéria steptomyces, a qual produz este antibiótico. Uma tecnologia que só foi redescoberta em 1948.

Fonte: http://www.futurity.org/ancient-beer-brewed-to-include-antibiotic/


                                                                                                                                                                   
Siga-nos no twitter: twitter.com/cervasextremas
Curta-nos no facebook: facebook.com/cervejasextremas

Postagens mais visitadas deste blog

Minhas Impressões sobre Cacau - II

Cacau na CervejaAlguns maltes aromáticos são tostados até apresentarem um aroma extravagante de chocolate negro e café. Esses maltes são muito apreciados em stouts, brown ales e porters. Com o tempo isso levou os cervejeiros a pensarem em outras  formas de se adicionar estes aromas nas cervejas.




Como colocar o aroma de chocolate na cerveja feita em casa? Bem, fora o uso do malte chocolate, existem algumas outras formas: Nibs de cacauCacau em pó (ao se preparar o chocolate, quando você extrai a parte gordurosa dos nibs de cacau, o que sobra é o chamado cacau em pó)Chocolate em póAromatizante sabor chocolate
Pelo que eu li em diversas fontes, a forma mais proveitosa de se fazer isso é usando os nibs de cacau, apesar de usar cacau em pó ter suas vantagens e uma delas é a menor porcentagem de gordura, a qual pode impactar a formação de espuma. Eu apenas tentei usando de nibs de cacau e por isso vou abordar apenas essa forma aqui. Mas já li muitos relatos de pessoas conseguindo ótimos resulta…

Receitas com Bagaço de Malte

Fazer cerveja em casa é um hobby que tende naturalmente a ser mais sustentável do que comprar cervejas industrializadas. Isto ocorre por diversos motivos, dentre eles: a logística de líquidos engarrafados que depende de combustíveis fósseis, a utilização de materiais brutos pela indústria que utilizam papelão e plásticos para caixas, a fabricação das garrafas de vidro que são descartáveis(enquanto o cervejeiro caseiro reaproveita as garrafas), etc. Logo, produzir em casa é uma boa forma de beber boas cervejas e ajudar a salvar o planeta.
No entanto, apesar do relativamente menor impacto ecológico do hobby, nós sempre podemos fazer um pouco mais. Por isso pretendo descrever algumas ideias sobre como minimizar o impacto no meio ambiente e de quebra, economizar alguns tostões. Um dos principais meios para isso é abordar o aproveitamento do Bagaço do Malte, o qual tem alto valor alimentício pois, descartando a água absorvida, ele é composto de fibras(~70%) e proteínas(~20%), e sempre com…

Gengibirra

Gengibirra ou Ginger Ale é um refrigerante feito a partir do gengibre. Na Wikipedia afirma-se que foi inventado por um médico americano em 1851, no entanto no livro Sacred and Herbal Healing Beers é possível encontrar uma receita de 1819 que havia sido publicada em um livro de receitas.
Aqui em Curitiba é bem comum encontrar a Gengibirra da Cini, mas no resto do Brasil é considerado algo bem exótico um refrigerante feito a partir do gengibre. Na verdade é mais comum do que nós pensamos, existindo versões comerciais nos Estados Unidos, Canadá, Japão e Inglaterra.
Em todas receitas de Gengibirra artesanais que eu encontrei constam os seguintes ingredientes: água, gengibre, açúcar (na maior parte das vezes mascavo), limão e fermento de pão. Alguns apresentam alguns componentes a mais como: clara de ovo, creme tártaro (bitartarato de potássio), ictiocola (colágeno obtido da bexiga de peixes), abacaxi e mel.


As receitas que a gente encontra na internet e em livros como o Sacred and Herbal…